19 de setembro de 2020 Home | Conte sua história | Cadastre-se | Sobre nós | Fale Conosco | Anuncie aqui
 
 
Voltar para a home do GEx
twitterFacebook    Editorial GEx
pesquisar
 
   
 
Café Brasil
 
 
Postado em 2/2/2006

Fiz intercâmbio na mesma cidade que minha mãe

por Letícia Stella G. Brandão

A minha ida aos Estados Unidos foi maravilhosa. Eu ganhei muita experiência e muita maturidade também. É uma lição de vida muito grande e eu a recomendo a todos que tenham a oportunidade de fazê-lo.

Eu me adaptei muito bem à escola e gostei muito da cidade onde fiquei. Fiquei em uma cidade chamada Fort Pierre no estado de Dakota do Sul. Minha cidade tinha apenas dois mil habitantes. As pessoas eram muito amigas e muito unidas. Eu fiz amizades valiosas que eu sei que se perpetuarão. Também tive um namorado que, infelizmente, tive que deixar.

Na escola eu me dei muito bem. Ganhei um certificado de "Estudante do mês" e fui vencedora de um concurso de criação de um pôster para uma campanha contra as drogas que eu tinha feito na aula de Artes. O meu pôster, por ser o vencedor, foi impresso em caminhões de cimento que circularão por um ano. Eu fui "Senior" (estudante do último ano) nos Estados Unidos e me formei lá. Foi muito bom e eu aproveitei bastante.

Eu me adaptei muito bem com a minha família. Eu tinha uma irmã de 11 anos, Sarah, que sempre se espelhava em mim e um irmão de 8 anos, Robby. Meu pai americano era muito engraçado e eu gostava muito dele. A gente chegava a conversar todas as noites sobre assuntos diversos. Meu pai era um ex-colega de classe da minha mãe de quando ela foi fazer intercâmbio há 26 anos atrás. A minha mãe americana era mais retraída, mas mesmo assim, ela me ajudou muito.

Outro acontecimento que ficará para sempre na minha memória foi o PROM (baile de formatura). Foi muito legal e nós dançamos muito no ginásio de esportes do colégio. Eu adorei a minha experiência como intercambista e acho que foi muito válida. Mesmo eu ficando longe da família e sentindo muitas saudades de todos, o que eu aprendi lá vai ficar para sempre na minha memória e contribuiu muito para o meu crescimento, senso de discernimento, auto-confiança e até mesmo para elevar minha auto-estima. Hoje tenho uma visão diferente de tudo, de forma positiva.

Letícia Stella Gardini Brandão

Artigos relacionados

Como funcionam os programas de intercâmbio
Sistema educacional Americano
A importância da escola no programa de High School
Perguntas frequentes sobre o programa de High School
Curiosidades sobre High School nos EUA
Meu intercâmbio nos EUA há 26 anos, por Lidia Stella G. Brandão
O intercâmbio mudou minha vida, por Luiz Fabrício Gardini Brandão
Meu ano de high school nos EUA

 

Especiais GEx
Carreira e Sucesso

Carreira e Sucesso
Empreendedoras em atendimento

Especiais GEx

 
   
 
© 2020 Global Exchange. Todos os direitos reservados.